Fim de Namoro: 10 Conselhos Práticos e Sinceros Para Seguir em Frente

Blogs e sites de psicologia me cansam. Com seus escritos rasos e vagos sobre processos emocionais, não contribuem em nada para a resolução de conflitos práticos - problemas do aqui e do agora. 


E isso não poderia ser diferente quando o assunto é fim de namoro. A maioria dos artigos sobre rejeição amorosa e fim de relacionamento é inútil. Todos os textos escritos por esses blogueiros não passam de analogias descabidas do processo de luto. Quando, é claro, são de digressões  convencionais e clichês sobre como melhorar a autoestima. 
O resultado? Um bando de leitores insatisfeitos e tristes que, caso não precisassem de terapia em razão do término, certamente precisarão por causa da leitura de tais artigos. 
Pensando nisso, resolvi elencar aqui alguns conselhos práticos e sinceros para aqueles que estão passando pela difícil fase que é o fim de um namoro. Sem mimimi e cinco fases fundamentais do luto. 

Comecemos? 


1. Esqueça os inseticidas 

Não adianta ficar relembrando das embalagens, das fórmulas químicas, das propagandas ou das fragrâncias dos inseticidas. Eles não voltarão para você, especialmente se tiverem citronela em sua composição. 

2. Adquira um rádio-relógio 

É um rádio, mais relógio. Genial, não?

3. Delete a pasta "LOST.DIR" do seu pendrive 

Sempre que você conecta um pendrive a um computador com os sistemas operacionais Windows Vista, 7 e 8, uma pasta nomeada LOST.DIR é automaticamente criada no seu dispositivo. Deletá-la não somente trará um pouco de paz emocional, como também liberará alguns bits da memória. 

4. Dobre suas camisetas em 2 segundos 

A técnica de dobra de camisetas (de manga curta ou de manga comprida, tanto faz) é utilizada por quase todas as lojas de roupas do país! Para dobrar a roupa dessa maneira sexy, divertida e diferente você só precisa de uma superfície plana e alguns minutos de tutoriais do youtube. Confira: 


5. Investigue seus casos de paralisias do sono

A paralisia do sono deve ser investigada porque nos 20 segundos de PARALISIA QUE TENHO POR SEMANA SOU VISITADO POR CRIATURAS ABORRECIDAS COM SUA EXISTÊNCIA NO OUTRO PLANO PORQUE AFINAL FORAM VÍTIMAS DE COISAS HORRÍVEIS QUE ME CONTAM O TEMPO TODO E DAS QUAIS EU TENHO MUITO, MUITÍSSIMO MEDO. 

6. Aceite algumas verdades sobre o seu cérebro

Certos fatos sobre o funcionamento do cérebro humano são simplesmente inaceitáveis. Reflita sobre alguns deles a seguir diariamente e inicie uma jornada de aceitação acerca da natureza da sua psique: 

  • Sempre que você lembra de alguma experiência, está na verdade lembrando da última vez que lembrou dessa experiência, e não da experiência em si. (Fonte
  • Enganar seu cérebro, fazendo-o acreditar que você teve uma boa noite de sono, funciona. (Fonte
  • Suas decisões são mais racionais quando pensadas em uma língua estrangeira. (Fonte
  • Pessoas inteligentes se subestimam e pessoas estúpidas se superestimam. (Fonte
  • Contar seus objetivos a outras pessoas faz com que você tenha menos chances de alcançá-los. (Fonte

7. Instale o aplicativo Campus Way no seu celular

Campus Way é um aplicativo para Android e iPhone, desenvolvido por estudantes da UFRGS, que busca revolucionar a dinâmica de caronas no meio acadêmico. Nele, usuários podem oferecer e buscar caronas.
Mais informações sobre o serviço podem ser obtidas na página do Campus Way no Facebook

8. Conserte a poltrona do seu quarto 

Sério. Já faz 5 anos. 

9. Trate Demônios Goéticos com respeito 

É importante lembrar que, desde a liberação dos Demônios Goéticos pela Sociedade Brasileira de Magia e Ocultismo, convivemos com estes seres no nosso cotidiano. Como todo demônio sindicalizado e ciente dos seus direitos trabalhistas, as entidades de Goetia procuram estabelecer relações harmoniosas e, sobretudo, justas com seus clientes. 
Assim, sempre que entrar em contato com algum Demônio Goético, procure observar as regras do contrato e não exigir mais do que o acordado. 

10. Certifique-se de que você passa o fio dental corretamente

Um erro bastante ao passar o fio dental, especialmente quando se tem aparelho ortodôntico, é o de ignorar a margem da gengiva. A maioria das pessoas se ocupa em limpar apenas as partes de contato entre os dentes, deixando de lado a região dentária adjunta ao tecido gengival. 


Uma dica que costumo dar a meus pacientes é a de sempre “abraçar” o dente com o fio dental, eliminando quaisquer resíduos que possam ali estar alojados.

Fonte: experiência pessoal.

Compartilhe-me:

Sobre o Autor

Gosta de línguas, reflexões introspectivas, UTAU/Vocaloid, discussões sobre gênero e sexualidade, do céu e de fazer da vida alheia um bordado de renda (de chita filó).